FILHOS AMADOS (Marcos 1.9-11)

Em momentos especiais, somos abordados com palavras que demonstrem orgulho, admiração e ternura. Deus não agiu de forma diferente no momento em que Jesus foi batizado. Fez questão de abrir o céu pra dizer: meu filho, eu te amo e tenho muito orgulho de você. As mesmas palavras também estão sobre nós hoje. Não pense nada a respeito de si mesmo que seja diferente disso. Esse é o sentimento que o Pai nutre por você: meu filho, eu te amo e tenho muito orgulho de você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima